Voltei!

Desculpem a demora milenar.

Hoje, ao ler as mensagens amontoadas no meu email, deparei-me com o convite para comparecer ao enterro de um conhecido. A pessoa que morrera não era alguém íntimo da minha rotina. Mas, como todas as vezes em que fiquei sabendo da morte de alguém que conheci, mergulhei em reflexões. E não aquelas que tem fama de simples, como as jornalísticas “o quê, quando, como, onde”… O que ecoava na minha cabeça era o inquietante “Por quê?”

Quem acompanha o meu twitter (@vanessabencz) ficou sabendo que perdi meu cachorrinho mês passado. Ele tinha 15 anos. “Ganhei” ele de aniversário – e me fez feliz por muitos aniversários depois. Virou um irmão. Quando ele fez 10 anos, os parentes começaram a cantar sua velhice. E a se prepararem para a morte dele. Entretanto, quando ele morreu, todo mundo chorou muito e nem pareciam aquelas pessoas que se preparavam havia cinco anos.

Existe preparo para a morte? Ela, por si só, já é uma surpresa macabra acompanhada de tristeza, dor e reflexão. É um estalo que ocorrerá todos os dias que soubermos da morte de alguém. Incansável, dolorido. Sozinho. Eco.

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Repórter distraída

Uma resposta para “Voltei!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s